Saiba como preparar seu hotel para a retomada

Segundo o levantamento feito pela CNC (Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo), o setor turístico perdeu mais de 14 bilhões em março. Os números são reflexos da pandemia do coronavírus. No entanto, muito se fala na crise, porém pouco se questiona no futuro após ela. Afinal, não é porque estamos em um momento de suspensão generalizada que precisamos ficar parados.  

Na verdade, devemos aproveitar esse cenário para enxergar novas oportunidades e buscar inovação. As empresas que fizerem isso de forma planejada e estratégica, são as que irão se recuperar mais rápido após a crise. 

Por isso, neste artigo, abordaremos algumas ações que poderão ajudar o seu hotel a aproveitar esse momento de maneira produtiva, podendo estar preparado para a retomada. Vamos lá? 

4 dicas para ajudar o seu hotel a se preparar para retomada 

Com as ações emergenciais resolvidas e definidas e com todos os planos B/C/D em andamento, comece a pensar na fase de retomada.   

Esse período deve servir para o planejamento do retorno. Organizar estratégias apenas após a crise não trará a velocidade de reação necessária.   

Então o que você acha de aproveitar esse período para buscar soluções e caminhos que permitam você preparar o seu hotel para o tão esperado retorno das atividades? Separamos algumas dicas que podem ajudar. Confira:  

1- Revise a sua estratégia, sua previsão orçamentária e seus planos de médio e longo prazo

A incerteza da recuperação da economia, a médio e longo prazo, da turbulência ocasionada pelo coronavírus, exigirá muita análise, cautela, objetividade e inteligência de empreendedores. 

É necessário refletir sobre suas atividades, trabalhando intensamente para o reforço de suas estratégias, como: 

Novas formas de divulgação dos seus serviços: Otimizar os investimentos em marketing, é na verdade, a melhor opção para que seu hotel não sofra uma queda na receita, principalmente um cenário em que as reservas estão demorando mais a chegar. 

Ampliação no número de clientes ou áreas de atuação: Com a redução da demanda, a forma mais eficiente de diminuir o impacto nas vendas é aumentar seu alcance. Em função disso, busque distribuir suas vendas em canais on-line como OTAS, operadoras, agências de viagem e no próprio motor de reservas e/ou site. 

Restruturação de preços: Em um momento de instabilidade econômica, os hotéis devem oferecer preços competitivos e que permitam manter a saúde do negócio.  

Reflexão necessária e imediata para questões econômicas financeiras: em tempos de crise, o melhor a se fazer é economizar. Garantir a disciplina diária de controle e contar com a ajuda da equipe, são uma das ações que podem ajudar a otimizar a margem de lucro do seu hotel neste período.  

Manter o foco nas oportunidades:  é preciso garantir as melhores estratégias para que seu negócio consiga se destacar em meio a competitividade do setor e com clientes mais exigentes. 

2- Analise como o seu empreendimento e o seu destino estão inseridos na cadeia do turismo.  

Entenda que ela será profundamente afetada pela crise e que teremos modificação da dinâmica vigente. Teremos novos players, players deixarão de existir, a malha aérea será completamente reconfigurada, a confiança do consumidor estará impactada ou fortalecida de acordo com o posicionamento de cada destino/empresa e assim por diante.  

3- Prepare a sua estratégia comercial para o período de retomada 

Evitando o oportunismo e garantindo a boa reputação da marca e a satisfação do cliente, deixe campanhas prontas para comunicar-se com prontidão no momento oportuno.  

É necessário que seu hotel adote campanhas e ações inovadoras que serviram para contribuir para o conforto, satisfação e praticidade.  

Estas inovações não só podem como devem ser adaptadas para o cenário pós crise, potencializando suas chances atrair novos clientes e se destacar neste mercado competitivo.   

4- Aproveite este período para avançar com o planejamento 

 Desenho de processos, revisão de rotinas. Quanto mais redondos esses aspectos estiverem para a retomada, melhores e mais rápidos serão os resultados.  

Conclusão 

Em um cenário de crise sem precedentes como este em que estamos vivendo, onde a suspensão generalizada e as incertezas nublam as previsões econômicas, existem dois tipos de organizações: as que estão enfrentando muitas dificuldades e as que estão se reinventando e encontrando novas oportunidades. Por isso, utilizar esse momento para criar novas estratégias auxiliarão o seu negócio a se manter no mercado de maneira competitiva após a retomada. 

Use a inteligência neste momento de “suspensão” temporária para olhar para o seu estabelecimento e buscar oportunidades de continuar melhorando o seu serviço e o seu atendimento de maneira ativa. 

 Lembre-se que essa é uma fase passageira e você deve estar pronto e com a operação planejada para receber todos os clientes que remarcaram e os novos que virão certamente, mais exigentes após esse período. 

Quer saber outras dicas e informações úteis para ajudar o seu hotel a continuar obtendo bons resultados durante e após a crise? Então não deixe de conferir os artigos a seguir: 

Gestão de dados na hotelaria: como utilizar esse recurso para otimizar seu negócio?

Margem de lucro reduzida? Saiba como o seu hotel pode reverter essa situação

Conheça a Omnibees

A Omnibees é uma empresa global que oferece a mais completa solução de distribuição e inteligência à indústria de turismo. Com mais de 5 mil hotéis e 700 parceiros de distribuição, ela é líder absoluta do mercado nacional.

Com soluções para Hotéis Independentes, Pousadas, Cadeia Hoteleira, Hotéis Boutique, Operadores Turísticos, Agências de Viagens e Empresas, permite maximizar a receita dos seus clientes pela otimização do preço ou redução dos custos operacionais.

Deixe uma resposta:

O seu email não será publicado